Bio in Food | Alimentação e Bebida | Serviços Profissionais

Como transformar a biotecnologia em algo simples de entender? Foi o que o Estúdio Roxo fez.

O que fizemos?

Posicionamento Estratégico
Criação de nome para empresa
Criação de Marca
Tom de voz
Sistemas de Identidade Visual
Embalagens
Ilustrações
Material Institucional
Material Promocional
Web Design
Site Institucional

Leveduras personalizadas podem otimizar a indústria alimentícia. Faltava o mercado saber disso.

Cenário

Alguns mercados são difíceis de atuar pelo excesso de concorrentes.

Outros pelo fato de serem pouco conhecidos, mesmo que exista um imenso potencial de consumo.

Um exemplo é o mercado de leveduras personalizadas para fermentação.

Fundada em 2018, a BioInFood é uma empresa especializada em biotecnologia que tem como objetivo oferecer leveduras personalizadas.

Seus principais clientes são a indústria alimentícia e de bebidas (pães, bolos, cervejas, vinho, iogurtes) que, com as leveduras personalizadas, podem otimizar o processo de fermentação, diminuindo seu custo e tornando o produto final mais saboroso e nutritivo.

Diagnóstico

Era necessário repensar a marca de uma maneira que traduzisse o core business e evidenciasse todos os benefícios oferecidos pela BioInFood, com o intuito de educar o mercado e prepará-lo para o consumo das leveduras personalizadas.

Um “B” que fez toda a diferença.

Solução

O nome (Bio in Food) já existia e foi mantido por fazer uma conexão direta com a atuação da empresa.

Nosso intuito foi reforçar o Bio no nome para evidenciar o processo natural da fermentação.

Para isso, pensamos em usar as bolhas do borbulhar do processo de fermentação para criar um “B” personalizado.

E assim fizemos a letra com uma bolha maior na base e uma menor na parte superior.

Para a tipografia escolhemos a RiftSoft, uma fonte versátil que funciona muito bem tanto no light como no bold.

O resultado do “B” ficou tão fantástico que ele foi transformado em ícone e usado como grafismo e no pattern. Também fizemos o ícone na versão “explodida”, com possiblidades infinitas de aplicação.

Como cor primária escolhemos o verde, que remete à natureza, à flora, e adicionamos o cinza (sofisticação, tecnologia) à paleta, criando uma estrutura cromática alinhada com o propósito da marca.

Para tornar a marca mais quente, humana e diferenciada, incluímos dois traços laranjas enquadrando o “In”, que a deixou muito mais divertida.

Isso serviu para equilibrar um pouco a sisudez do segmento, e mostrar que a biotecnologia pode ser simples de entender e apta para atender a demanda de cada cliente.

A marca funciona bem nos mais diferentes fundos (branco, verde, preto, cinza) e aplicações, como por exemplo em pastas, envelopes, etiquetas, embalagens e uniformes.

O site foi construído sob este conceito, direto com a entrega, com grafismo, cores que brincam com a forma de apresentar o conteúdo, uma imersão à mentalidade da empresa.

O blog cumpre um papel estratégico de comunicação, informar sobre fermentação e biologia, uma área não muito conhecida, que é o da customização da levedura.

Resultado

O resultado é uma marca coesa, forte, que transmite credibilidade e explica o que a biotecnologia pode fazer de uma forma simples de entender. O próximo passo é o lançamento de uma marca própria de leveduras personalizadas.

Visite o site da BioInFood.


Gostei!
Quero uma marca apaixonante.