Estúdio Roxo

iFood – A nova forma de pedir comida.

27 Dez. 2018
categoria Branding + Marketing + Web

A tecnologia ao longo dos últimos anos vem promovendo uma drástica mudança em nossas rotinas e na forma que cada um de nós se relaciona com o mundo.

Estamos cercados por facilidades que há 10 anos nem sabíamos que seria possível. Quer ver só? Repare:

Podemos começar relembrando nossas vidas antes dos celulares, internet ou o google. Em uma época que tínhamos que ir até o banco para pagar contas, fazer transferências ou solicitar um empréstimo. Tempos não tão longe assim que para conhecer pessoas e flertar precisávamos sair para uma balada ou barzinho com amigos, hoje isso pode acontecer com apenas um deslize de tela pra direita, não é mesmo?!

A tecnologia tem nos proporcionado experiências inimagináveis.

Quando foi que imaginaríamos viajar o mundo nos hospedando na casa de outras pessoas por preços acessíveis com a reserva e o agendamento mais fácil do que em um hotel? Parecia uma utopia, mas o AirBnb está aí para provar que tudo é possível.

Ou informar seu trajeto e facilmente localizar um veículo disponível para te levar até o destino por preços tão irrisórios que faz pensar se vale a pena ter um carro próprio?! É inegável que a Uber transformou a maneira das pessoas se locomoverem.

Agora, quando foi que imaginamos ter em nossas mãos milhares de opções de restaurantes oferecendo seus cardápios ilustrados esperando apenas uma confirmação para deixar em sua casa sua refeição do jeitinho que você quer?

É o sistema delivery dos restaurantes mudou nossa forma de pedir comida e o iFood mudou a forma do delivery.

O iFood surgiu em 2012 e hoje é a principal plataforma de entrega de alimentos on-line do Brasil, permite pedidos de alimentos pela Internet e por aplicativos móveis dentro do iOS, Android e Windows Phone. A empresa conta com a participação de grupos como a Movile – um dos maiores grupos de aplicativos móveis do mundo – e a Just EAT – o maior grupo de pedidos on-line do mundo, com um valor de mercado estimado em US $ 4 bilhões. Hoje, a empresa está em mais de 200 cidades do Brasil. Conta com mais de 16 mil restaurantes cadastrados e mais de 5 milhões de usuários ativos.

A iFood registra cerca de 6.6 milhões milhões pedidos por mês e movimenta R $ 850 milhões com os restaurantes.

Mas como a empresa conseguiu atingir esse patamar? Separamos algumas estratégias adotadas que fizeram o iFood hoje ser essa grande revolução:

Desenvolva parcerias significativas.

Desde o início, o iFood se diferenciou de outros serviços de entrega de alimentos ao estabelecer relacionamentos únicos e significativos com os restaurantes que se juntaram à rede. Em vez de simplesmente atuar como um serviço de entrega ou de concierge, o iFood fornece valor para seus parceiros de restaurante por meio da exclusividade de suas opções de Entrega Instantânea e oportunidades de promoção cruzada. Além disso, os restaurantes, especialmente pequenas lojas, não têm grandes orçamentos de marketing. O iFood oferece uma oportunidade única para esse nicho, introduzindo sua culinária em um mercado inexplorado por meio de seus esforços de marketing e da base de clientes existente.

Ouça seus clientes.

Os clientes queriam mais opções e estavam dispostos a pagar um pouco mais por entregas personalizadas e melhor alimentação. A mídia social foi usada como uma plataforma de escuta da marca para descobrir o que precisava manter, perder ou adaptar. Outro feedback comum foi a incapacidade de encontrar opiniões de clientes sobre os alimentos e restaurantes sem ter que sair do aplicativo e agora, os usuários têm a oportunidade de avaliar sua comida e motorista.

Conheça os hábitos de seus usuários

Ao navegar no aplicativo facilmente se percebe a inteligência da marca, através de seus últimos pedidos são geradas novas sugestões o que incentiva o maior consumo. Também é possível frequentemente participar de promoções ou  campanhas exclusivas para os usuários da marca.

Todas essas estratégias melhoram a experiência de marca com os usuários do aplicativo e faz com que cada vez mais os consumidores optem pela plataforma para fazer seus pedidos na hora da fome.

Falta ideia para melhorar a sua experiência de compra?! Vem ser Roxo com a gente.

Veja também!

Branding + Marketing + Web
O futuro é fluido: por dentro das marcas mutantes

Seja uma startup do Vale do Silício ou uma padaria familiar, uma empresa que passa por um rebranding de marca alavan...

Seja uma startup do Vale do Silício ou uma padaria ...

06 Aug. 2018 - por Adriano Frachetta
Branding + Marketing
Marcas se conectam melhor com os clientes quando promovem experiências.

A grande mudança no comportamento dos consumidores brasileiros foi nos anos 90 com o grande Boom da internet no Br...

A grande mudança no comportamento dos consumidore...

13 Dec. 2017 - por Adriano Frachetta
Branding + Marketing
Por que seu plano de marca é mais importante que seu plano de negócios?

Por que você deveria se importar com a marca? Porque hoje em dia, todo mundo pesquisa sobre você antes de visitar s...

Por que você deveria se importar com a marca? Porqu...

18 Apr. 2018 - por Adriano Frachetta

© 2012-2019 Estúdio Roxo - Todos os direitos reservados.