Estúdio Roxo

Como criar uma estratégia de Branding: Usando como referência uma Barbearia 1/4

04 Mai. 2019
categoria Branding + Marketing

Foi-se o tempo em que cuidar das madeixas era uma atividade das mulheres. Já ficou pra trás o conceito de que para cortar cabelo de homem só precisa de uma cadeira e uma maquininha de cabelo. Basta prestar atenção e perceber o aumento significativo das barbearias em todo o Brasil. As chamadas Barber Shops ou Barbearia Gourmet superaram as expectativas de um simples salão de cabeleireiros e se tornaram incríveis pontos de encontros dos homens com muito entretenimento, estilo e masculinidade.

O conceito de fazer barba, cabelo e bigode ganharam mais um atributo: a diversão!

Vamos neste texto te ajudar a construir uma estratégia de Branding para sua empresa e vamos usar como referência as Barbearias.

A importância do Branding na hora de criar uma Barbearia

O branding tem tudo a ver com influenciar o comportamento dos clientes. Eles serão muito mais inspirados por uma marca que oferece conteúdo relevante com uma promessa emocional e tem uma personalidade atraente, efetivamente comunicada em marketing e vendas. Tudo a ver com barbearias, concorda?

Para atrair a atenção do consumidor, uma nova empresa precisa se desafiar a criar uma identidade de marca exclusiva. O branding também ajuda a se destacar da concorrência. Uma grande marca pode ser uma vantagem competitiva sólida para sua empresa, especialmente quando conjuntos de recursos entre duas ou mais marcas são praticamente os mesmos.

Leia mais em: A importância do branding para startups.

Nessa onda que colocou a barbearia gourmet como um estilo de vida, a sua marca precisará mostrar que não se trata de mais do mesmo e somente uma boa estratégia de branding para ajudar você a conseguir seu lugar de destaque e nós vamos lhe ajudar dividindo o que sabemos sobre o assunto.

Está preparado? Pegue papel e caneta e anote:

Definição de nome (Naming): 

O processo do naming é o primeiro passo. O nome tem que transmitir o estilo da marca ou você iria em uma Barbearia que se chama “Tesoura cega”? Já imaginou? Mais do que escolher um nome por um gosto pessoal, o nome de uma marca deve ser analisado com a devida importância e pensado estrategicamente, considerando os vínculos e associações que poderão ser criados na mente das pessoas, o alinhamento com o propósito da empresa, a fonética que pode variar de região para região e interferir na pronúncia e lembrança da marca, além da facilidade de compreensão e originalidade.

Para saber mais sobre a importância de escolher um bom nome leia: Criando o nome perfeito pra sua marca produto ou serviço.

Mas você não precisa ficar preso aos clichês de termos ligados ao segmento, muitas vezes um nome diferentão pode mostrar personalidade e empatia.

Quer saber quando o diferente é bom? Confira.

Posicionamento de marca

Não é de hoje que reforçamos a ideia de que saber o seu lugar no mercado é fundamental para você se comunicar com o seu público e nessa hora você pode estar pensando que esse item parece óbvio, certo? Afinal, toda barbearia quer se comunicar com homens que se preocupam com a aparência e querem o atendimento diferenciado, correto? Sim. Mas podemos ir além. Devemos perguntar aonde queremos chegar com essa marca. Qual será nossa mentalidade. Nosso propósito. Pelo que queremos ser lembrados. É aí que você realmente se posiciona no mercado e principalmente na mente dos consumidores.

Por exemplo: Digamos que você tem como um grande diferencial cortes modernos de cabelo ou tratamentos diferenciados para quem tem grandes barbas ou uma parceria incrível com uma cervejarias artesanal. Tudo isso são pequenos detalhes que podem te colocar a frente de seus concorrentes.

Marcas constroem confiança através de comportamentos. E os comportamentos devem basear-se em princípios claros. Esses princípios devem trazer o seu propósito para a vida, estabelecendo as diretrizes psicológicas claras dentro do qual sua marca opera.

Existem ferramentas de branding que te ajudam a reforçar sua mentalidade de marca. O mais conhecido é definir sua missão, visão e valores. Deixar claro em seu site, em um quadro no estabelecimento, em suas apresentações. Outra poderosa ferramenta é o manifesto. Eles são, quando bem feitos, um resumo inspirador da visão de mundo de sua organização.

Como manifesto é “uma declaração escrita declarando publicamente as intenções, motivos ou pontos de vista de seu emissor”, um manifesto da marca é justamente isso, declarando publicamente as intenções, motivações e visões da marca. Embora nem toda empresa precise de um manifesto, pode ser uma ótima maneira de chegar à essência de uma marca.

Quer saber mais sobre Manifesto?

Nome e posicionamento de marca são apenas os primeiros passos para você criar uma marca de barbearia forte.

Quer ajuda com esse processo? Vem ser Roxo com a gente.

Continua no próximo texto…

Veja também!

Branding + Marketing
Construa lealdade como a Apple: defina seu inimigo

Um desafio rápido: cite uma empresa com uma base de clientes mais leal e fiel do que a Apple. Aposto que você teve ...

Um desafio rápido: cite uma empresa com uma base de...

06 Aug. 2018 - por Adriano Frachetta
Branding + Marketing + Web
O futuro é fluido: por dentro das marcas mutantes

Seja uma startup do Vale do Silício ou uma padaria familiar, uma empresa que passa por um rebranding de marca alavan...

Seja uma startup do Vale do Silício ou uma padaria ...

06 Aug. 2018 - por Adriano Frachetta
Branding + Marketing + Web
Por que o Branded Content é eficaz?

O maior desafio atual das empresas é atingir o tom certo com o seu público. As gerações mais jovens se recusam à...

O maior desafio atual das empresas é atingir o tom ...

27 Dec. 2018 - por Adriano Frachetta

© 2012-2019 Estúdio Roxo - Todos os direitos reservados.