Branding | Design | Marketing

Porque as marcas mudam com o tempo: Evolução dos logos

A importância dos logotipos é muitas vezes negligenciada no mundo das pequenas empresas. Geralmente, os logotipos são projetados uma vez e usados durante toda a vida útil do negócio. Ao trabalhar com muitas pequenas empresas, percebemos que, às vezes, esses logotipos se tornam obsoletos e limitam sua aplicação para diferentes dispositivos. Como assim? Vamos explicar.

Assim como pessoas, os logotipos também precisam evoluir, principalmente para se alinhar com os padrões atuais do seu segmento de atuação, ou seja, um designer ao criar seu logotipo ele estuda todas as suas formas de aplicação, seja ela off-line ou online e provavelmente usará diferentes tons da mesma cor para um logotipo de impressão e um logotipo da web, por exemplo, isso não foi pensado em 1992 porque não existia essa demanda. Então, se o seu logotipo foi projetado há um bom tempo, talvez seja hora de um rebranding.

Mas afinal, por que as marcas mudam seus logotipos? Nesse caso o ditado “em time que está ganhando não se mexe” não funciona com as marcas. Os logotipos são a imagem associada a uma marca e, se eles não representarem mais os valores e ofertas dessa marca, talvez seja hora de considerar uma releitura.

Aqui estão algumas razões pelas quais as marcas podem mudar seu logotipo:

O logotipo está desatualizado

Não confunda “antiquado” com “clássico”. Marcas como Nike, Apple e Mercedes-Benz mantiveram logotipos semelhantes nas últimas três décadas porque são clássicas e reconhecíveis. Mas se você já viu o primeiro logotipo da Apple Computers (um desenho de linha de Isaac Newton retratado debaixo de uma macieira com letras do século XIX), você provavelmente teria imaginado a imagem irremediavelmente desatualizada. Quando as cores, as fontes do logotipo saem de moda e parecem antiquadas é hora de mudar.

A linha de produtos expandiu

Tanto a Starbucks quanto a Domino’s sofreram alterações no logotipo em 2014 para evitar confusão na oferta de produtos: eles eram Starbucks Coffee e Domino’s Pizza antes, respectivamente. Quando um nome de empresa muda ou novos produtos alteram o que a empresa oferece, um novo logotipo deve ser criado para evitar mal-entendidos do cliente (e remover limitações para produtos futuros).

Para voltar à mídia

A Gap provavelmente foi vítima do que esperava inspirar com uma mudança de logo: o interesse público. Claro, a Gap conseguiu sua publicidade, mas se a mídia social é uma indicação, ela foi extremamente negativa. Ainda assim, a mudança de um logotipo é uma maneira de rejuvenescer a publicidade obsoleta de uma marca que pode estar desaparecendo do radar público.

Duas empresas se juntam

Quando as empresas se fundem, precisam seguir uma linha tênue entre as novas identidades e suas marcas antigas e aprovadas pelo cliente. Se a empresa recém-formada tiver um nome totalmente novo (um que não seja os dois nomes anteriores), as cores, o tipo e o logotipo geralmente terão elementos semelhantes de logotipos antigos para incentivar a familiaridade com os consumidores. Se uma marca tem uma reputação melhor que a outra, a melhor marca geralmente ganha em nome e logo. Ou, se as duas marcas que estão se fundindo estiverem em pé de igualdade, o logotipo pode utilizar elementos de ambos.

Como vimos alterar um logotipo não é tão fácil quanto parece. Se uma imagem vale mais que mil palavras, então a representação gráfica da sua marca deve realmente dizer alguma coisa. Escolha um logotipo atemporal desde o primeiro dia, ou você pode se encontrar em uma batalha para mudar algo novo.

É uma verdade imutável dos negócios: como as empresas evoluem e mudam de acordo com a dinâmica do mercado, o mesmo acontece com as marcas.

Muitas vezes, a mudança é imperceptível e só se torna evidente quando você olha para trás ao longo dos anos para ver os graus de mudança que ocorreram. Abaixo você pode conferir a mudança do logotipo de mais algumas grandes empresas que fazem parte do nosso dia a dia:

Google: Em 1997, o Google começou com um logotipo que parecia ter sido desenvolvido em linguagem MS usando a ferramenta palavra arte (popular nos anos 90 – ainda parte da suíte MS, minha opinião pessoal é que eles mantêm esse recurso como uma piada). Desde então, o logo mudou 6 vezes e, em setembro de 2015, lançou a versão mais recente.

Facebook: Começando com o Facebook em 2005, o logotipo da plataforma de mídia social mais popular hoje deixa muito a desejar. Em julho de 2015, o logotipo do facebook atual foi lançado. Embora o esquema de cores seja semelhante, o design foi muito mais pensado. O primeiro logo se parece com algo que um desenvolvedor criou. Não há dúvidas de que este foi o caso e essa é uma tendência que a maioria dos desenvolvedores usa quando trabalha com pequenos orçamentos.

Poder de um Logotipo

Não subestime o poder e o impacto que um grande design de um logotipo pode ter para influenciar a conscientização de sua marca. À medida que o seu negócio evolui, o mesmo acontece com a sua marca. Se você estiver correndo há algum tempo e seu logotipo estiver desatualizado, direcione um pouco de orçamento para refazê-lo.

Nós do estúdio Roxo temos muitas soluções para você. Vem ser Roxo com a gente.